Bloqueador de Selecao

quinta-feira, 10 de novembro de 2011

A HISTÓRIA DO LÁPIS.




         O MENINO OLHAVA A AVÓ ESCREVENDO UMA CARTA.  A  CERTA ALTURA, PERGUNTOU:

              __ VOCÊ ESTÁ ESCREVENDO UMA HISTÓRIA QUE ACONTECEU CONOSCO?  E,  POR ACASO,  É UMA HISTÓRIA SOBRE MIM?

              A AVÓ PAROU A CARTA, SORRIU, E COMENTOU COM O NETO:
              __ ESTOU ESCREVENDO SOBRE VOCÊ, É VERDADE. ENTRETANTO, MAIS IMPORTANTE DO QUE AS PALAVRAS, É O LÁPIS  QUE ESTOU USANDO.  GOSTARIA QUE VOCÊ FOSSE COMO ELE QUANDO CRESCESSE.

            O MENINO OLHOU PARA O LÁPIS,  INTRIGADO,  E  NÃO  VIU  NADA  DE ESPECIAL.
             __ TUDO DEPENDE DO MODO COMO VOCÊ OLHA AS COISAS.  HÁ CINCO QUALIDADES NELE QUE, SE VOCÊ CONSEGUIR MANTÊ-LAS, SERÁ SEMPRE  UMA PESSOA EM PAZ COM O MUNDO.


PRIMEIRA QUALIDADE: VOCÊ PODE FAZER GRANDES COISAS,  MAS NÃO DEVE ESQUECER NUNCA QUE EXISTE UMA MÃO QUE GUIA SEUS PASSOS. ESTA MÃO NÓS CHAMAMOS DE DEUS, E ELE DEVE SEMPRE CONDUZI-LO  EM DIREÇÃO À SUA VONTADE.

SEGUNDA QUALIDADE: DE VEZ EM QUANDO EU PRECISO PARAR  O  QUE ESTOU ESCREVENDO, E USAR O APONTADOR.  ISSO  FAZ  COM  QUE  O LÁPIS SOFRA UM POUCO, MAS NO FINAL, ELE ESTÁ MAIS AFIADO. PORTANTO,  SAIBA  SUPORTAR  ALGUMAS  DORES,  PORQUE  ELAS  LHE FARÃO SER  UMA PESSOA MELHOR.

TERCEIRA QUALIDADE: O LÁPIS SEMPRE  PERMITE  QUE  USEMOS  UMA BORRACHA PARA APAGAR AQUILO QUE ESTAVA ERRADO. ENTENDA  QUE 
 CORRIGIR UMA COISA QUE FIZEMOS  NÃO  É  NECESSARIAMENTE  ALGO MAU,  MAS ALGO IMPORTANTE  PARA  NOS MANTER  NO  CAMINHO  DA JUSTIÇA.

QUARTA QUALIDADE: O QUE REALMENTE IMPORTA NO LÁPIS NÃO É A MADEIRA  OU  SUA  FORMA  EXTERIOR , MAS  O  GRAFITE  QUE   ESTÁ
DENTRO. PORTANTO, SEMPRE CUIDE DAQUILO QUE ACONTECE DENTRO DE   VOCÊ.

 FINALMENTE, A QUINTA QUALIDADE DO LÁPIS:  ELE  SEMPRE  DEIXA UMA  MARCA. DA  MESMA  MANEIRA,  SAIBA  QUE  TUDO  QUE VOCÊ FIZER  NA  VIDA, IRÁ DEIXAR TRAÇOS, E PROCURE SER CONSCIENTE DE CADA  AÇÃO.

 (Paulo Coelho).


              AMIGOS,
              TENHAM TODOS UM EXCELENTE FINAL DE SEMANA!

62 comentários:

  1. Esse texto é muito lindo e significativo. Pequenas lições, com grande essência.
    O sofrimento ensina. Os erros podem ser reparados, mas deixam marcas. O mais importante é cuidar do próprio SER.

    Bjs.

    ResponderExcluir
  2. Histórias educativas profundas e com muita pedagogia. Histórias de fácil absorção pelos mais novos e que dificilmente serão esquecidas.

    ResponderExcluir
  3. Oi, Vera!

    Isso é uma analogia das mais belas, significativas e pedagógicas.
    Um abraço e obrigado mais uma vez pelo seu carinho. Ótimo dia!

    ResponderExcluir
  4. Um texto tão bom que nem parece ter sido escrito pelo Paulo Coelho, hahahahaha, Você deve tê-lo garimpado mesmo hein Verinha, hahahhahaha. Parabens!

    Lindo final de semana pra você também!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse Texto é de um Autor desconhecido, não é original de Paulo Coelho.

      Excluir
    2. Esse Texto é de um Autor desconhecido, não é original de Paulo Coelho.

      Excluir
    3. Olá Rose,

      O texto consta como Mensagem do dia 29/12/10, por Paulo Coelho, na coluna que dito Autor tem no site G1. Creio que se a autoria não fosse dele, ele, provavelmente, faria referência à autoria original. Então, até prova em contrário, creio que cabe a Paulo Coelho a autoria do texto em questão.

      Obrigada pela visita.

      Excluir
  5. Olá Bom dia amiga! Belo post de reflexção. È preciso ser conciente em cada ação. Adorei Vera! Tenha um lindo dia com paz e alegria. Bjos com carinho e obrigada sempre pelo carinho!

    ResponderExcluir
  6. VERA QUE LINDA ANALOGIA.
    PAULO COELHO FOI MUITO FELIZ NESTE E TEXTO E VOCE AINDA MAIS FELIZ EM POSTA-LO.
    UM BEIJO...

    ResponderExcluir
  7. bonita y edificante fabula vera.un saludo

    ResponderExcluir
  8. Verinha levo pra mim, esse aprendizado aqui.
    Que coisa linda esse texto, vou guardá-lo no coração.

    Beijinho e bom dia amada.

    ResponderExcluir
  9. Vou concordar com o comentário do seu seguidor Andre Mansim, também eu não esperava um texto como esse do Paulo Coelho. O que importa é o conteúdo maravilhoso da mensagem e vale mesmo a pena divulgá-lo.

    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Muito belo e muito reflexivo pra nossas vidas...beijos de bom final de semana pra ti.

    ResponderExcluir
  11. Paulo Coelho! Gosto da maioria dos seus textos.
    Essa metáfora com o lápis, apesar da era do computador... dignifica! Até porque era outra a época da vovó... Hoje, a maioria modernizou-se e está na teclado! Abraço, Célia.

    ResponderExcluir
  12. Bom dia,Vera!!

    Não conhecia este texto do Paulo!!Sei que nem todos gostam dele,mas o mais importante é que sempre achei significado elevados nos escritos dele, sempre contento fé, amor e esperança.E isso é o que importa!Beijos pra ti querida!!
    tenha um ótimo final de semana!!
    *Estou lendo um livro e lembrei de você, talvez apreciasse a leitura tanto quanto estou gostando.Assim que meu dia se acalmar(hoje tem teatro na escola do meu filho e vou ficar por lá)te passo um email.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  13. Ah!!Amei o texto!!!E vou pensar bem sempre nesta história do lápis...que possamos mesmo ser como ele!
    Bah!!Hoje estou a mil!!!rsrsr

    ResponderExcluir
  14. VERA QUERIDA,
    FOI MUITO BOM LER ESSA HISTÓRIA... É MUITO LINDA E ME FEZ PENSAR...

    "... DA MESMA MANEIRA, SAIBA QUE TUDO QUE VOCÊ FIZER NA VIDA, IRÁ DEIXAR TRAÇOS..."

    PURA REALIDADE...
    GRANDE PAULO!
    BEIJOS E FIQUE COM DEUS!

    ResponderExcluir
  15. Minha Verita linda, ótimas as qualidades do lápis que todos devemos ter!!

    Que seu findi seja doce minha amiga!!
    beijokitas recheadas de amor e carinho.

    ResponderExcluir
  16. Doce!


    Muito doce suas palavras,


    Belo texto,



    Bjka

    ResponderExcluir
  17. Oie lindona

    Que lindeza de texto.
    Perfeito.

    beijosquerida,ótimo fim de semana

    ResponderExcluir
  18. Linda história e nos dá uma grande lição!
    Amei o texto e os ensinamentos!
    Bjão e um ótimo final de semana

    ResponderExcluir
  19. Muito marcante esta história, não conhecia, adorei!

    bom fim de semana para você também Vera.
    beijinhos
    oa.s

    ResponderExcluir
  20. Gostei muito daki!
    Belos textos!
    Viagem no mundo literario!
    Me segue tb e comente sempre!

    ResponderExcluir
  21. Só podemos te agradecer por compartilhar uma história tão linda! beijos,lindo fds!chica

    ResponderExcluir
  22. Simplesmente lindo e verdadeiro! Bom fim de semana.

    ResponderExcluir
  23. Que bela analogia.de tudo pode-se tirar uma lição.Um simples lápis pode nos ensinar os valores mais importante da vida.Adorei teu Post.
    Querida tenhas um bom final de semana.Muita luz e muito amor.Bjs Eloah

    ResponderExcluir
  24. Um ótimo final de semana Vera querida

    Perfeita a comparação com o lápis. Sejamos lápis então!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  25. Muita boa esta do Paulo, com uma sabedoria infinita de vida e caminhada.Que saibamos sempre entendere as marcas que nos deixam e que fazemos. Boa escolha amiga.
    Meu abraço mineiro de admiração.
    Bom fim de semana.

    ResponderExcluir
  26. Perfeito Verinha!! Amei!!
    Um lindo fim de semana pra ti flor,
    Bjsss no coração

    ResponderExcluir
  27. Que mensagem linda!Fechou muito bem!
    bjs e ótimo final de semana

    ResponderExcluir
  28. Verinha amada, passando para deixar um beijinho e desejar um lindo final de semana.

    Beijinho

    ResponderExcluir
  29. Valéria deixou um novo comentário sobre a sua postagem "A HISTÓRIA DO LÁPIS.":

    Oi Vera Lúcia!
    Que delicadeza, que sutileza, nas qualidades do lapis valores que são a base de nossas ações para vivermos melhor e com mais coerência.
    Lindo este texto!
    Beijinhos e um fds de paz!



    Postado por Valéria no blog RECANTO DO SOL em 11 de novembro de 2011 19:11

    ResponderExcluir
  30. Ler esse texto é sempre um prazer, Vera, tão sábio!

    Um beijo, querida, e um fds lindo de descanso e paz para os nossos "grafites".

    ;)

    ResponderExcluir
  31. Vera Lúcia, que analogia legal. Muito bem bolada essa comparação. Gostei muito.
    Beijo com carinho.
    Manoel.

    ResponderExcluir
  32. Vera,
    Pequena grande lição do lápis: Devemos deixar Deus nos conduzir nas Suas vontades; dores nos farão pessoas melhores; corrigir nossos erros é muito importante para que sejamos justos; nosso interior é mais importante que nosso exterior; e nossos atos tem conseguências, pois isso devemos estar conscientes das nossas ações.
    Esse texto é maravilhoso e de grande ensinamento para nós.
    Beijokas doces e um fim de semana de paz para você.

    ResponderExcluir
  33. Vera, que perfeito!
    Imagino que, se realmente uma história assim for lida p/ uma criança, ela levará o ensinamento para o resto da vida!

    Ótimo final de semana / vc tbm, querida!!! Bjo!

    ResponderExcluir
  34. Como um simples lápis gerou boas lições pra vida toda! :) Concordo com o pensamento da Marly!
    Boa escolha..amei Vera!
    Um abraço e um fim de semana feliz pra vc kerida!
    Bjoss

    ResponderExcluir
  35. Um bom sábado pra ti minha amiga querida,,,recheado de bons acontecimentos e muita poesia...beijos e beijos.

    ResponderExcluir
  36. Bom dia Vera, sempre maravilhosos textos para refletirmos, muito bom passar por aqui.
    Desejo um lindo fim de semana pra ti, com muito amor e alegria, beijossss

    ResponderExcluir
  37. Verinha

    Não conhecia este texto de Paulo Coelho, mas fiquei apaixonada por ele.
    Obrigda pela partilha minha querida.

    Beijinho

    ResponderExcluir
  38. Minha querida Vera, como olhar num simples lápis e nele poder tirar, num sentido figurado, importantes lições para toda uma vida? Fantástico Paulo Coelho. Lindo o texto! Parabéns pelo bom gosto que predomina dentro de você. Um beijo no seu coração.

    ResponderExcluir
  39. Lições importantes, sem dúvida.
    Excelente!
    Um abraço!

    ResponderExcluir
  40. Verinha,

    Só para te avisar que estou passando uns dias no Uruguai e ainda não consegui um wi-fi decente por aqui, a conexão não está boa, depois retorno com calma para comentar e apreciar teu trabalho!
    Abração e ótimos dias!

    ResponderExcluir
  41. Olá, querida.
    Bela lição, internalizada através da experiência.
    Bom fim de semana.
    Gde abraço, em divina amizade.
    Sonia Guzzi

    ResponderExcluir
  42. Muito bom esse texto, Vera!
    Deliciei-me!
    Bjs,

    ResponderExcluir
  43. Verita linda, passei porque não sei porquezinho, mas me deu uma vontade tão grande de te dizer que vc é importante pra mim!!!! Mesmo longe uma da outra, vibro sempre coisas boas pra chegar até vc. Lindo domingão com a família...beijokitas estaladas de muito carinho pra ti :)

    ResponderExcluir
  44. Achei interessante todas as qualidades que atribuis ao LAPIS e a essa arte de escrever assim.
    Sou um assíduo utilizador do lápis e até tenho uma colecção de lápis de todo o mundo.
    Um grande abraço

    ResponderExcluir
  45. Lindo Vera!!!
    Uma lição para levar... para amar...nunca vai acabar...
    Beijos
    :D

    ResponderExcluir
  46. Verinha, voltei!
    Consegui uma conexão wi-fi, mesmo de madrugada rsrs

    Linda mensagem, linda mesmo!
    Profunda reflexão em metáforas, que traduzem um pensamento para lá de infinito, de uma lição vivenciada!

    Ótimo domingo, beijinhos!

    ResponderExcluir
  47. Vera

    Um lápis, uma avó, com a sua lição baseada nele. Belo e imaginativo texto de Paulo Coelho.
    Beijos

    ResponderExcluir
  48. Um belo domingo e uma semana repleta de poesia e carinho pra ti amiga...beijos e beijos.

    ResponderExcluir
  49. Amiga Vera que mensagem maravilhosa.
    Bom domingo e uma excelente semana.
    Beijinhos
    Maria

    ResponderExcluir
  50. Olá Amiga Vera! Estou aqui pra agradecer seu carinho sempre. Obrigada! Relendo mais uma vez esse lindo texto. Linda mensagem! Olha! Está havendo ameaças de viros. Alguns blogs está difícil o acesso! Quanto ao meu está tudo bém. Bjos e todo carinho pra vc! Linda tarde de domingo!

    ResponderExcluir
  51. Maravilhoso texto vera,quanta sabedoria podemos adquirir ao lê-lo,coisas simples que muitas vezes esquecemos ou simplesmente deixamos pra lá.
    Uma maravilhosa semana pra vc,grande abraço,=)

    ResponderExcluir
  52. Minha querida

    Quanta sabedoria em cada palavra desse texto, por vezes esquecemos que a vida pode ser simples.

    Deixo um beijinho com carinho
    Sonhadora

    ResponderExcluir
  53. Nossa...que lindo texto.
    Não sabia que o Paulo Coelho tinha feito isso.
    Muito fantástico e incrivelmente verdadeiro.

    ResponderExcluir
  54. hermosas muy hermosas palmeras muy bonito texto grande

    ResponderExcluir
  55. Li com muita atenção esse textinho, uma vez que não conhecia a história e olhe adorei!
    Acho que é uma boa historia, com uma gigante moral.
    Beijinhos.
    http://mariacrescida.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  56. Li com muita atenção esse textinho, uma vez que não conhecia a história e olhe adorei!
    Acho que é uma boa historia, com uma gigante moral.
    Beijinhos.
    http://mariacrescida.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  57. Olá Vera \o/
    Respondi lá no blog, mas aproveitei para ver sua postagem!
    Sobre 'As 5 lições que aprendi com o lápis':
    Esse texto recebi por email, há algum tempo,
    e na ocasião, também fui checar a autoria.
    Em minhas 'buscas' , encontrei o mesmo postado
    na coluna que Paulo Coelho tem no site G1.
    Ele, não atribuiu o texto a nenhum outro autor,
    por isso creio que seja dele mesmo.
    É uma reflexão que gosto muito!
    A diferença é que o texto postado aqui,
    está mais elaborado, tem uma introdução antes.
    Não sei se foi outro autor que introduziu
    essa parte.
    Beijos ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Clau,
      De fato, "A história do lápis" consta da coluna de Paulo Coelho, no site G1, exatamente como publicada aqui. Trata-se da Mensagem do dia 29/12/10, por Paulo Coelho.
      Assim, creio não haver qualquer dúvida quanto à respectiva autoria, apesar da questão levantada pela leitora Rose Carniel, através de seu comentário, afirmando que o texto seria de um autor desconhecido e não de autoria original de Paulo Coelho. Acredito, portanto, que até prova em contrário, dita autoria há de ser atribuída a Paulo Coelho.

      Obrigada pela atenção.

      Beijo.

      Excluir

OBRIGADA PELA VISITA E COMENTÁRIO.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...