Bloqueador de Selecao

domingo, 22 de janeiro de 2017

MIGALHAS DE AMOR.




Podes guardar o pão para muitos dias, ainda que o excesso de tua casa signifique ausência do essencial entre os próprios vizinhos; todavia, quando puderes, alonga a migalha de alimento aos que fitam debalde o fogão sem lume.

Podes conservar armários repletos de veste inútil, ainda que a traça concorra contigo à posse do pano devido aos que se cobrem de andrajos; no entanto, sempre que possas, cede a migalha de roupa ao companheiro que sente frio.

Podes trazer a bolsa farta, ainda que o dinheiro supérfluo te imponha problemas e inquietações; contudo, quando puderes, oferece a migalha de recurso aos irmãos em necessidade.

Podes alinhar perfumes e adornos para uso à vontade, ainda que pagues caro a hora do abuso; mas, sempre que possas, estende a migalha de remédio aos doentes em abandono.

Um dia, que será noite em teus olhos, deixarás pratos cheios e móveis abarrotados, cofres e enfeites, para a travessia da grande sombra; entretanto, não viajarás de todo nas trevas, porque as migalhas de amor que tiveres distribuído estarão multiplicadas como bençãos e tochas de luz em tuas mãos.


(Meimei/ Do livro: O Espírito da Verdade).


45 comentários:

  1. Oi, Vera Lucia!
    Este texto é muito lindo!
    Mas, eu acredito que em cada "migalha" de qualquer coisa que doamos, vai com uma porção inteira do amor que nos foi doado por Deus...

    Abração
    Jan

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza, Jan!
      O texto nos dá uma boa cutucada, né?
      Ótimo domingo!
      Beijo.

      Excluir
  2. MARAVILHA,Verinha! Deixemos boas migalhinhas por nossos caminhos...Bjs praianos,chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Chica,
      De migalha em migalha vamos doando o amor tão necessário para aquecer corações.
      Continue aproveitando a praia, Chica! Meus melhores momentos de lazer são passados junto ao mar, que tanto encanta e revigora.
      Ótimo domingo e feliz semana!
      Beijo.

      Excluir


  3. Oi,Vera, de fato, quanto poderíamos fazer e quanto deixamos de fazer por omissão ou displicência... mas mesmo assim qualquer benefício que fizermos em benefício do próximo, sendo de boa vontade e boa intenção será certamente agraciado com luz em nossa alma.
    Um abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De pleno acordo, Guaraciaba!
      É verdade que falhamos muito na distribuição do amor e da caridade, mas, ainda que por migalhas, como menciona o texto, já fará diferença na vida de alguém.
      Feliz semana!
      Beijo.

      Excluir
  4. Boa tarde, querida amiga Vera!
    Apenas migalhas de amor distribuímos... texto belo!
    Bjm muito fraternal

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas são migalhas importantes para quem as recebe, não é verdade?
      Grata pela visita, amiga!
      Beijo.

      Excluir
  5. O exercício da partilha é essencial em nossa vida. Aprendi com meus pais e ensino para os mais jovens hoje. Belo texto. Boa semana!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Anabela,
      Fui passear em seu espaço. Parabéns pelo blog!
      Uma iniciativa empolgante destacar e divulgar as riquezas de nossa Minas Gerais. Cultura geral somente enriquece.
      Grata por sua visita!
      Feliz semana!
      Beijo.

      Excluir
  6. Excelente texto! Que bom dar e receber, nem que sejam essas migalhinhas! Amei

    Um resto de um bom Domingo

    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Cidália!
      Excelente semana!
      Beijo.

      Excluir
  7. Um belíssimo texto. Penso que a maior riqueza que pudemos ter é o amor pelo outro.
    Um abraço e uma boa semana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amor e caridade são as máximas de Cristo.
      Obrigada, Elvira!
      Ótima semana!
      Beijo.

      Excluir
  8. Uma encantada semana e parabéns pelas belas expressões poéticas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As expressões poéticas não são minhas, Francis! Trata-se de uma psicografia.
      Grata pela visita!
      Ótima semana também para você!

      Excluir
  9. Lindo post, Vera! Espalhemos migalhas de amor e por certo desfrutaremos de uma colheita grata e proveitosa, ao nosso coração! Obrigado, amiga; boa semana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada você, amigo, pela usual atenção.
      Feliz semana!
      Abraço.

      Excluir
  10. A generosidade é importante. Fez-me lembrar do provérbio "Grão a grão enche a galinha o papo" e com migalhas também.
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sempre poderemos doar um pouco de nós ou do que possuímos. No geral, temos mais do que precisamos. Gestos de amor não precisam ser grandiosos. Tudo que é feito de boa vontade, por ínfimo que seja, já ilumina a vida de alguém.
      Obrigada pela vista, Elisabete!
      Beijo.

      Excluir
  11. SIGUES ESCRIBIENDO MUY BONITO.
    ABRAZOS

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá ReltiH,
      Na verdade, não sou a autora dos textos do blog. Faço apenas a seleção deles, que são de autorias diversas, conforme registrado ao final de cada texto. Procuro selecionar aqueles que gosto e que penso poderão servir, eventualmente, de ajuda ou incentivo para os leitores, visando sempre o crescimento espirital de todos nós.
      Obrigada pela visita!

      Excluir
  12. Hello Vera,
    again very beautiful words ... great post.
    I wish you a very nice week.
    Greetings and hugs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Thank you, Pantherka!
      Excellent week also for you.
      Kiss.

      Excluir
  13. Olá, Vera, como vai?
    O amor caridoso é muito recompensador quando feito com o propósito sincero de generosidade sem a espera da recompensa. O amor dado com amor não será uma migalha, pois para aquele que precisa vale muito.
    Porém, creio que perde seu valor dadivoso se a pessoa que o entregar o faz somente por encará-lo como uma sobra.
    Minha opinião pessoal é que ajudar ao outro é uma forma de agradecimento pelas bênçãos que temos, às vezes eu sou criticada por isso, mas creio que sempre precisamos agir de acordo com a verdade que o nosso coração determina. Temos tantas bênçãos - casa, trabalho, alimento, chuveiro, cama, boa roupa, boa comida, condições para pagar as contas, passear, porque guardar tudo somente para si? Saber se alegrar com a felicidade e gratidão do outro que recebe ajuda também é uma dádiva. :)
    Um belo texto reflexivo!
    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Bia,
      Também acho que dar apenas o que sobra é mais esmola do que doação, em termos materiais. No caso, não se abre mão de nada em favor do próximo. Não é tão meritório, mas não deixa de ter valor, pois, de alguma forma, vai beneficiar a quem recebe.
      Doar com amor e gratuitamente é mesmo gratificante.E sempre teremos algo a doar, nem que seja a atenção, o carinho, o ombro, o ouvido, o conforto, etc.
      Obrigada, Bia!
      Beijo.

      Excluir
  14. Olá, Vera!
    Todo bem que fazemos, transforma-se em luz no nosso caminho.
    Acredito que somos doadores em tempo integral, já que doamos não apenas o material, aquilo que vemos ou tocamos, mas também a energia que colocamos em nosso pensamento, sentimento e ação e que distribuímos à outros, mesmo sem perceber.
    Um abraço,
    Sônia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada por sua participação, Sônia!
      Beijo.

      Excluir
  15. Olá querida Vera, lindo texto, infelizmente é exatamente assim que funciona, muitas vezes temos tudo em fartura e oferecemos apenas migalhas do que temos! Um tapinha na cara este texto! Adorei! Bjosss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Kellen,
      Que bom vê-la por aqui depois de tanto tempo!
      Deixei o blog fechado por alguns meses, embora postando semanalmente, e a partir do Natal resolvi deixar a barra de comentários provisoriamente aberta.Surpreendi-me com a chegada de alguns amigos, pois não avisei do meu retorno; isto porque a questão ainda está sob análise-rsrs.
      Precisamos de uma cutucada de vez em quando, né?
      Obrigada!
      Beijo.

      Excluir
  16. A divisão é a prova da multiplicação. A propósito, te querendo ouvinte na nossa www.hellowebradio.com ... você. Sintoniza, vai!
    Cadinho RoCo

    ResponderExcluir
  17. Uau...Vera este texto é lindo demais e diz tudo. Não importa o quanto temos, o que vale, quando a grande viagem começar, é aquilo que doamos com o coração aos nossos irmãos. Um beijo grande amiga e até alguns dias, vou sair de férias.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Disse bem, amiga!
      Obrigada!
      Coisa boa sair de férias!
      Aproveite!
      Até!
      Beijo.

      Excluir
  18. Já de volta e desta vez com coração cheio de gratidão por sua tão querida ida à nossa www.hellowebradio.com ... alegria sem tamanho para quem vem estar conosco. Poxa Vera e ainda com seu delicado gesto de envio de recado para nós. Aí foi que coração palpitou para valer. Grato e esteja sempre conosco.
    Cadinho RoCo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi uma prazer conhecer a hellowebradio, Cadinho!
      Estarei prestigiando sempre que tiver oportunidade.
      Muito sucesso!

      Excluir
  19. Respostas
    1. Obrigada, Giancarlo!
      Ótimo final de semana para você também!

      Excluir
  20. O que é migalha para um é riqueza para outro. E o excesso de alguns não será prejudicado com uma pequena doação. O que se consegue nesta vida permanecerá aqui, razão pela qual fazer do que se tem a alegria de alguém é meritório. E iluminará a alma. A imagem é linda e o texto constitui um toque que vale a pena sentirmos. Bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, mana!
      Sabe que você não pode faltar aqui com os seus lúcidos e sábios comentários.
      Beijo.

      Excluir
  21. Grato pelo seu novo comentário no Cadinho quando então percebo estarmos numa mesma sintonia de paz e fé no que de fato nos eleva. Daí nossa sintoinia extensiva à nossa www.hellowebradio.com ... você sempre.
    Cadinho Roo

    ResponderExcluir
  22. Apegamo-nos às coisas... quando a nossa prioridade deveriam ser os outros, e os nossos próprios valores, enquanto seres humanos... com alguma humanidade... afinal, quando morremos... nada de material levamos...
    Semeemos afectos... e altruísmo que é das coisas que quanto mais dividimos, mais se multiplicam...
    Mais uma partilha notável, Vera!...
    Beijinhos
    Ana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, Ana, somente levaremos o bem que aqui deixarmos.
      Não custa doar e nos doarmos a quem precisa, seja de que maneira for, desde seja com amor.
      Obrigada!
      Beijo.

      Excluir
  23. Já tinha lido esse texto e é maravilhoso. Pra pensar e muito. bjsssss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lindo mesmo e nos dá uma boa cutucada, né?
      Obrigada, Sérgio!
      Abraço.

      Excluir

OBRIGADA PELA VISITA E COMENTÁRIO.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...