Bloqueador de Selecao

domingo, 8 de janeiro de 2017

ENTRE O EGO E A ALMA.

                                              Arte-por-Oriol-Angrill-Jordà

                                              O EGO DESEJA BRILHO,  ALMA ANSEIA POR LUZ


Enquanto pensamos que a morte é o que mais separa as pessoas, o EGO desde sempre, vem fazendo esse "serviço" muito mais do que ela. Não há nada que vença o EGO em termos de separações! E como é que ele age?


- No casamento e nas relações amorosas: em nome da "incompatibilidade de gênios", homens e mulheres se separam, sem darem chance à flexibilidade que faria com que ambos - de comum acordo - cedessem um pouco. Não! Para o EGO não tem acordo quando se trata de ceder. Seria "rebaixar-se"! Ele só entende assim.

- Nas amizades: uma atitude ou palavra mal colocada são, muitas vezes, suficientes para que amigos se separem, deixando cair no esquecimento as tantas coisas boas que fizeram brotar uma tão valiosa amizade. Não! O EGO não admite erros nem pedidos de perdão. Seria abrir mão da punição! Ele só entende assim.

- Nas famílias: tantos pais, irmãos e filhos se separam, só pela necessidade de impor suas vontades, de ver "quem manda aqui", quem ganha a condição de dono da última palavra. Na maioria dos casos, numa reunião familiar, e com um pouco de humildade todos saberiam até onde ir e quando parar. Não! O EGO quer deter o poder sobre tudo e sobre todos. Limites seriam um caso de obediência! Ele só entende assim.

- Nas carreiras: pessoas escolhem seguir a mesma carreira ou carreiras diferentes, e muitas dessas pessoas gastam a melhor parte da sua vida competindo, vigiando, farejando os passos das outras, dada a precisão de ser "a melhor". A consciência de que "o sol nasce para todos" faria isso parar. Não! O EGO quer ganhar sempre, custe o que custar. Aceitar vitórias alheias seria fracassar! Ele só entende assim.

Em toda situação conflitiva que determina separações o EGO se faz presente e sempre quer ganhar. É nos carros, em brincadeiras desnecessárias; é no trabalho, em críticas contra colegas; é nas escolas, em exibições de notas; é nas guerras, onde ganhar é questão de vida ou morte; é na vizinhança, em encrencas vulgares, e assim por diante…Infinitamente…

(...) Não! Não é a morte o que mais promove essas apartações! É o EGO, o filho predileto do orgulho! Sua ALMA e seu EGO ocupam o mesmo "castelo". Deixe que sua ALMA seja a rainha vitalícia do lugar! Ela é aquela parte sua que deseja Paz e Reconciliações. O EGO é o mal dentro de você. Dê-lhe um "cala-boca" bem dado. Assim - e só assim - a vida lhe abrirá as portas da verdadeira e perene felicidade.

(Sílvia Schmidt).


32 comentários:

  1. Vera
    A tua sensibilidade, nas escolhas é bem marcante. Sempre os teus postes obrigam a pensar.
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Daniel!
      Grata ainda mais pela presença e comentário!
      Abraço.

      Excluir
  2. Bom dia Vera.
    Um belo texto, que todos deveriam refletir. Com certeza devemos deixar o Ego de lado e o orgulho que só causa separação. E que o dialogo esteja presente sempre em todos os tipos de relacionamento. Uma feliz semana. Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Mirtes, pela presença e comentário.
      Semana feliz também para você.
      Beijo.

      Excluir
  3. Temos que lutar contra o nosso egocentrismo e sermos mais empáticos.
    Escolheu um belo texto.
    Bom domingo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Grata, Elisabete!
      Desejo-lhe igualmente um ótimo domingo e uma feliz semana.
      Beijo.

      Excluir
  4. Muito linda mensagem, tri bem escolhida! bjs praianos,chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Chica!
      Gostaria de também estar curtindo uma praia neste momento. O calor por aqui está demais!
      Continue aproveitando.
      Beijo.

      Excluir
  5. Muito bom mesmo, Vera, bem pertinente tudo que foi colocado. Excelente texto. Esse EGO... E a vida é tão passageira, tão frágil, tão imprevisível... E a gente brincando de indestrutíveis, de infalíveis, de eternos. Imagem excelente bem sugestiva e bonita. Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada pela amável presença e comentário, Fábio!
      O ego é mesmo um trapalhão destrutivo.
      Vamos dar a ele um "cala boca" bem dado, como sugere muito bem Sílvia Schmidt.
      Abraço.

      Excluir
  6. Um texto maravilhoso de ler, cheio de realidades
    (Mas, até a palavra morte, me assusta)

    Beijinhos
    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Cidália,
      A morte ou a sua menção é mesmo desconfortável, mas nos lembra da finitude da vida, o que pode nos impulsionar a procurar viver bem e a valorizar as pessoas que amamos enquanto temos a felicidade de tê-las em nossa companhia.
      Obrigada pela presença e comentário.
      Beijo.

      Excluir
  7. Como sempre um tema bem pertinente e actual, esplendidamente abordado nesta brilhante partilha, Vera!
    Hoje em dia as pessoas parecem ser incapazes de ver para além do seu próprio mundo... o mundo dos outros simplesmente, não existe...
    O mundo sempre terá sido um pouco assim... mas hoje em dia, acho que o egocentrismo está mesmo a atingir uma escala nunca vista em termos de relações humanas, nos mais variados contextos...
    Pedindo desculpa pela minha ausência daqui, Vera!...
    Retomando aos poucos as visitas aos blogues, que não consegui de todo visitar nas últimas semanas... problemas de saúde da minha mãe, retiraram alguma da minha disponibilidade, e ainda se manterão por mais um tempinho, com a sua recuperação... um problema num joelho, afectando sua mobilidade... consultas, exames, fisioterapia, ainda prosseguirão nos próximos tempos...
    Porque não tive oportunidade de aqui passar antes, só agora posso agradecer a sua atenciosa e carinhosa visita, no meu blogue, por ocasião da quadra natalícia, mas que não me foi possível corresponder senão agora, pelo que aproveito a oportunidade, também para lhe desejar, um feliz 2017, para si e todos os seus, com muita saúde, alegrias e concretizações!
    Tudo de bom! Beijinho! Feliz semana!
    Ana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Ana,
      Problemas de saúde na família nos preocupam e absorvem. Entendo perfeitamente que há momentos em que a vida real requer prioridade. Espero que a recuperação de sua mãe seja breve.
      Retribuo seus votos, desejando-lhe um 2017 pleno de sucesso, saúde, paz e sonhos realizados. Tudo de bom também para os seus entes queridos.
      Beijo.

      Excluir
  8. Um texto muito interessante.
    O Ego, ou o Orgulho, são os responsáveis por grandes erros.
    Um abraço e uma boa semana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Elvira!
      O Ego é disseminador de discórdia e dor. Vencê-lo é uma batalha que vale a pena enfrentar, inclusive para o nosso próprio bem e evolução espiritual.
      Feliz semana!
      Beijo.

      Excluir
  9. VERA: Boa noite, querida. O texto é belo demais. Reflexão que nos trazem um tanto de sabedoria. Sensibilidade total. Amiga, passando para desejar-lhe um ano de grandes bençãos. Que 2017 seja pleno em todos os aspectos da sua vida, linda. Beijos e uma linda noite!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Maria Adeladia!
      Desejo-lhe igualmente um 2017 recheado de momentos felizes, paz, saúde e sucesso em seus sonhos e propósitos.
      Beijo.

      Excluir
  10. Gratíssima pela leitura de excelente qualidade.
    Uma opção inteligente e de bom gosto.
    Excelente semana, Vera.
    Beijo.
    ~~~

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você é muito amável, Majo! Eu que lhe agradeço por prestigiar a postagem com a leitura do texto.
      Ótima semana também para você.
      Beijo.

      Excluir
  11. Bela escolha, tanto da imagem quando do texto. Essa exagerada necessidade de "estar por cima", ser o melhor, o maior, o perfeito... é, de fato, motivadora de afastamentos e de perdas. Exercitar seu silêncio é fundamental, para que a alma, tão conciliadora, proporcione paz e harmonia. Bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, mana!
      Perfeito comentário.
      Beijo.

      Excluir
  12. Mais uma bela postagem, Vera! Bom que você voltou! Mas, confesso, fiquei em uma dúvida: será que o Ego é Filho do Orgulho, ou vice-versa? Difícil dizer, né? :) Boa semana, amiga!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Árabe,
      Voltei mais ou menos-rsrs. (Apenas abri a barra de comentários).
      Penso que não importa quem é filho de quem. Ego e orgulho possuem nefasto poder e conduzem a caminhos equivocados, principalmente quando o ego está inflado pelo orgulho.
      Feliz semana também para você.

      Excluir
  13. Querida Vera,

    Excelente texto que aborda com eficiência, profundidade e
    lucidez a trajetória do EGO que muita vezes confundido com
    a identidade ou personalidade, como diz muito bem o texto (
    autora), o Ego sedimenta o orgulho na vaidade de reinar
    sobre tudo e todos...
    O crescimento do Ego com o aniquilamento da alma-essência.
    O contato com a essência na libertação das armadilhas do
    Ego, sedimentando a paz e um sentir crescente de significados
    transcendentes da transitoriedade da vida.

    Muito grata por este momento de leitura aqui, querida amiga!

    Uma semana luminosa guiada pela trilha da alma!
    Beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bela leitura do texto, querida Suzete!
      Obrigada pelo acréscimo!
      E sou eu quem agradece a sua iluminada presença por aqui.
      Beijão.

      Excluir
  14. Hello Vera,
    very nice things you wrote.
    / I'm sorry that I did not come to you on the blog earlier, I have problems with my blog, Blegger made some changes and I do not appear new posts /.
    I send greetings and hugs too.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Do not worry, dear Pantherka! It happens!
      I am happy to go to your space and you do not have to worry about the failures of the updates.
      Kiss.

      Excluir
  15. Oi, Vera, como vai? Interessante os pontos de vista apresentados no texto. O ego pressupõe que um lado sempre irá ceder, e o outro sempre se sobrepor, não há generosidade, empatia... o ego age como se em qualquer campo da vida sempre precisasse haver um vencedor.
    Nossas conquistas pessoais precisam satisfazer nossa busca por realização de sonhos, fundamental para manter viva a chama do ser humano, jamais para ostentar status com o intuito simples da necessidade do ego de se sentir superior.
    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É isso, Bia!
      Como sempre, seus comentários são pertinentes e acrescem os temas focados.
      Obrigada!
      Beijo.

      Excluir
  16. Adorei o texto!
    Muito bem pensado e elaborado. Merece uma profunda reflexão.Chegaremos sempre à conclusão que se exige muita sensatez!...
    Um abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha quem está aqui!! Isto que é uma bela surpresa!
      Grata pela presença e comentário AL!
      Tenha um belo e feliz domingo!
      Abraço.

      Excluir

OBRIGADA PELA VISITA E COMENTÁRIO.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...