Bloqueador de Selecao

segunda-feira, 3 de novembro de 2014

ESPERAR NÃO É PRECISO. VIVER É PRECISO!



    
Não temos a certeza do amanhã existir e se estaremos aqui, caso ele exista.  Porém, acabamos sempre deixando decisões, gestos, atitudes para amanhã, para depois...
Temos um dia de cada vez, mas sempre teimamos em contar com os dias seguintes para iniciarmos a transformação, a mudança, o primeiro passo rumo a tudo isso.

Muitos de nós acabamos deixando o tempo passar e não expressamos o real sentimento que temos por aqueles que nos cercam, sejam eles nossos pais, nossos filhos, nossos amigos.

Somos rápidos em entoar mantras, preces e orações, mas deixamos sempre pra depois o entendimento deles, pois falar, orar, vibrar, verbal ou mentalmente, nos consola.
Mas, devemos lembrar, que tudo isso nada vale, se não estiver lá dentro do nosso coração, passando, antes, pelo crivo do discernimento e da razão.
Quantas preces foram verbalizadas, quantos mantras entoados, enquanto os nossos pensamentos estavam distantes e o nosso coração endurecido, petrificado, sem sentir o que se fazia?

Lamentamos, a todo instante, que nossa vida é curta, que o tempo passa muito rápido, e que as tarefas são muitas e os fardos são pesados. Mas acabamos agindo sempre como se a vida fosse inesgotável, e que as tarefas podem ser deixadas pra depois, que os fardos não são nossos, achando, assim, que enganamos algo ou alguém. Realmente. Enganamos a nós mesmos.
Às vezes, postergamos a oportunidade de sermos generosos, autênticos, esquecendo que, de repente, quando formos, poderá ser tarde demais, e a espontaneidade ter ido embora.

Deixamos sempre para depois o ato do perdão, do reconhecimento, e preferimos ficar com os ódios e os rancores dentro de nós, por tempos, para um dia, quem sabe, poder perdoar e se livrar do peso.
Daí, esse ato poderá ser tardio, e os sintomas difíceis de serem resolvidos. Como se o ódio e o rancor fossem semelhantes ao vinho, que, ao longo dos anos, melhora em tonéis de carvalho. Ledo engano.

Deveríamos parar de esperar, lembrando que quem espera se cansa, não alcança, e que o tempo é o agora, a oportunidade é essa, e que fugir de nada auxiliará na jornada evolutiva atual.




- Fernando Golfar -



66 comentários:

  1. Viver é preciso e é urgente
    Esperar é amar cada presente
    É sorrir sempre com amor e dignamente

    ResponderExcluir
  2. Bom dia Vera Lúcia
    Um texto maravilhoso, sim viver é preciso. esperar, não.. embora adiemos muitas coisas. Gostei muito.

    Beijinhos e otima semana

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  3. Muito lindo esse texto e não podemos ficar empurrando com a barriga nossa vida. Precisamos ESTAR nela de corpo e alma, não vegetar ou esperar para ser feliz e viver amanhã! Linda semana! bjs, tudo de bom,chica ( ontem fiquei imaginando vocês enfrentando pela primeira vez o encontro lá no cemitério. Torci pra que ficassem bem!)

    ResponderExcluir
  4. Sábio texto! Amanhã pode ser tarde demais, só que apesar de sabermos disso, ainda assim, teimamos!
    Obrigado pelo texto minha amiga!

    ResponderExcluir
  5. oi Verinha,

    fui aprendendo com a vida,que esperar não nos leva a nenhum lugar,
    hoje vivo intensamente o agora,me sinto muito mais completa e mais feliz...

    beijinhos

    ResponderExcluir
  6. Texto escolhido bem a calhar em tempos em que as pessoas não querem olhar quanto mais ver, amei ler amiga Vera, tenho em mim que cada dia é "o dia", nada deixo para depois, tive essa disciplina ensinada desde menina,(rimou,rs).
    Viver é um lindo dom, precisamos exercitar esse dom!
    Amei ler, obrigada por compartilhar!
    Tenhas uma linda semana!

    ResponderExcluir
  7. Adorei Verinha

    O momento de sermos feliz chama-se presente.


    bjokas =)

    ResponderExcluir
  8. Olá Vera!
    Este texto fez-me lembrar uma canção de um cantor português já desaparecido, António Variações, que diz assim :
    "É pra amanhã
    Bem podias viver hoje
    Porque amanhã quem sabe se vais cá estar
    Ai tu bem sabes como a vida foge
    Mesmo que penses que está pra durar" (...)
    Realmente caímos tantas vezes no erro de julgar que temos a vida nas mãos, adiando atitudes, acções e palavras, como se tivessemos todo o tempo do mundo, e quando damos conta, um dia pode ser tarde demais.
    Eu aprendi há muito tempo que o dia é hoje, e a única coisa que geralmente posso adiar é o pagamento de alguma conta que pode esperar...:-)
    E o ódio e o rancor só envenenam quem os sente.
    Um post muito importante, Vera Lúcia!
    xx

    ResponderExcluir

  9. Simplesmente belo e intenso demais toda essa emoção de esperar ou não esperar que emana do poema... tanta sensibilidade e tanto a imaginar. O que posso dizer mais? - Adoreiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii

    ResponderExcluir
  10. Boa tarde Vera
    Viver com menos sonhos e mais ações, assim deveria ser
    Gostei do blog
    Bárbara

    ResponderExcluir
  11. Muito bom, Vera! Viver é preciso, sim... a cada momento fugidio! Boa semana, amiga.

    ResponderExcluir
  12. Maravilhoso pensamento Vera!
    Como o ser humano é né? Deixamos tudo para amanhã, e se amanhã chega muitas vezes vamos empurrando com a barriga e adiando..

    Feliz semana para vc!

    Beijão

    Nanda

    ResponderExcluir
  13. Enfim, a vida urge! E agimos como se fôssemos imortais quanto físico, e de repente olhamos no espelho e não reconhecemos aquele ser velho, cheio de rancores e picuinhas.
    Quem espera, fica esperando... E quem age, vai alcançando nem que seja aos poucos. Mas alcança!
    Lindo texto Vera!
    bjkas doces e boa semana.

    ResponderExcluir
  14. ÓTIMO TEXTO, VERA.
    HÁ UM TEMPO PARA TUDO DEBAIXO DO SOL, COMO DISSE O PROFETA.

    ResponderExcluir
  15. Olá, querida Vera
    Me fez lembrar os ensinamentos de Inácio de Loyola onde ele nos incita a sentirmos o sabor de tudo (saborear)... sem sentir gosto pela vida ou pelo que fazemos fica tudo muito automatizado e nem um cafezinho tem graça alguma...
    Lindo texto, como sempre!!!
    Bjm fraterno

    ResponderExcluir
  16. Há fatos que impõem a espera, necessária à obtenção dos resultados que se aguarda. E outros, principalmente no campo dos sentimentos, que não devem ficar de lado, aguardando , indefinidamente, uma solução. O que já parecia difícil vai tornando contornos mais rígidos, a dificultar aproximações, entendimentos, perdão. Um ótimo texto para reflexão. Bjs.

    ResponderExcluir
  17. Olá Vera
    A vida é o hoje e o agora, o que deixamos para depois, pode nunca acontecer.
    Bjux

    ResponderExcluir
  18. Algumas pessoas deixam tudo para amanha, inclusive viver. (Tenho um conto sobre isso) E a vida passa sem elas perceberem.
    O tempo de tudo é hoje!

    Amei o texto Vera.
    Bela escolha como sempre!

    Beijos e linda semana pra voce.

    ResponderExcluir
  19. Acredito que tudo tem o seu momento, mas quando ele chegar não devemos ficar parados.
    Tenha uma abençoada semana. Bjs

    ResponderExcluir
  20. Vera
    A crónica é demasiado importante e deverá ser muito tida em conta. Porquanto, é muito realista na abordagem. Devemos mesmo senti-la e tentar retificar o que for possível.
    beijos

    ResponderExcluir
  21. Hi Vera,
    Your text is very beautiful.
    Thanks for all your lovely comments.
    Greetings and hugs.

    ResponderExcluir
  22. Uma reflexão muito oportuna e bem colocada...pois o espírito evolui com fé e obras, razão e sentimento...e na convivência com o outro é que estas coisas são tramadas e construídas. Deixar o tempo escorrer entre as mãos enquanto perdemos momentos preciosos de entendimento e amor, é desprezar uma dádiva divina no agora esperando algo ignorado de um futuro incerto.
    Um grande beijo, amiga Vera!

    *´¨)
    ¸.•´¸.•*´¨) ¸.•*¨)
    (¸.•´ (¸.•` ¤ Bíndi & Ghost

    ResponderExcluir
  23. OI VERA LUCIA!
    O TEMPO É NOSSO ALIADO NA CONSTRUÇÃO DE NOSSO EU INTERIOR, MAS, SE O DEIXARMOS PASSAR, TALVEZ ELE SE ESGOTE ANTES DE NOS DARMOS CONTA, AI SERÁ TARDE, O TEREMOS PERDIDO.
    ABRÇS
    http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  24. Olá, boa noite!

    Muita coisa haveria a dizer sobre as suas refleções, porque elas dizem respeito à nossa vida e a nossa vida nunca mais acaba de surpreender...

    Beijinho para si!

    ResponderExcluir
  25. Vera, que belo texto vc selecionou. Virou algo redundante eu colocar isso aqui mas é necessário. Reflexão mais do que necessária e boa para começar uma semana. Bjs.

    ResponderExcluir
  26. Se é agora, e é agora, e é agora, esperar fica fora. Bonito, Vera!

    ResponderExcluir
  27. Muito lindo esse texto, tbm acho importante pensar dessa forma, devemos expressar sempre nossos sentimentos pra quem amamos, e pensar no agora nos abre muitas possibilidades de mudarmos muitas coisas em nossas vidas. Bjs

    ResponderExcluir
  28. Há ditados antigos que embora traduzam clichês, ainda assim são eternas configurações da sabedoria popular, como o que diz: não deixe pra amanhã o que pode ser feito/dito hoje...amanhã pode ser tarde para o encontro, para o bem dizer, para o perdão e, aí sobrará um peso n'alma.
    O amor pede cuidados constantes e derrama alegrias permanentes.
    Por aqui as conversas são sempre frutíferas.

    Bjkas , Verinha.Boa semana.
    Calu

    ResponderExcluir
  29. Oi Vera,

    Certa vez eu estava muito afim de tirar uma menina para dançar... esperei muito, e alguém a tirou, dancei literalmente. Ficar protelando decisões importantes é perder oportunidades presente. Nosso foco principal deve estar sempre no dia de hoje.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  30. Bom dia querida Vera..
    esperar pelo que...
    a vida é aqui agora.. neste minuto neste ar que respiramos..
    tudo esta acontecendo não é..
    temos de viver com alegria cada dia e fazer de nossa passagem terrena o melhor possivel.. bjs meus e até sempre

    ResponderExcluir
  31. Vdd quem espera se cansa não alcança...belíssimo texto para reflexão.
    Venho gentilmente te convida para participar da 3ª Edição Xícara de Ouro promovida pelo Café entre amigos, onde os seguidores elegerão os melhores blogs de 2014. Confira o link abaixo com todas as informações.
    Ficarei muito feliz se aceitar participar...tenha uma ótima terça-feira.
    http://www.cafeentreamigos.com/2014/11/3-edicao-xicara-de-ouro-eleicao-dos.html

    ResponderExcluir
  32. Oi Vera!

    Muitas vezes esquecemos de dizer uma palavrinha mágica: Eu te amo, seja para os filhos, mães, amigos, etc..pensando no que fazer amanhã se mal sabemos o que vai ocorrer daqui a 1 hora. Não sou imediatista, mas aquele ditado não deixe para amanhã o que podes fazer hoje é tão simples de ser seguido, dando prioridades mais as pessoas que amamos, do que as coisas materiais que nunca levaremos da terra.

    BELO TEXTO! REFLETIR COM ESTE TEXTO É BOM DEMAIS.

    Bjs no seu coração. Ah, vou dizer para vc hoje....Te gosto muitoooooo

    Abraços !!!

    ResponderExcluir
  33. Realmente minha amiga, o texto faz-nos reflectir, nunca é tarde para seguir estes sábios conselhos.


    desejo-lhe uma excelente semana

    ResponderExcluir
  34. Todos os dias somos surpreendidos com alguma coisa. Esperar só mesmo nas filas de transito ou no stop.
    Bj

    ResponderExcluir
  35. Oi, Vera...há muitos momentos preciosos em nossas vidas os quais não reconhecemos quando ocorrem mas com certeza ficam em nossa memória e chegam á nossa maturidade espiritual com o seu devido valor.Fatos de nossa infância , nossas primeiras descoberta e conquistas passam como se fosse um sonho
    mas a substância real não se perde...mas o que realmente não podemos deixar passar é a manifestação do nosso bem querer e de nossa alegria quando na presença dos queridos., porque será bom para eles e também para nós, dando um valor extraordinário à nossa razão de viver.
    Um abraço

    ResponderExcluir
  36. Olá,kilida e candy Vera
    sim, verdade, muitos de nós pensamos assim.E tudo isso, porque não conseguimos superar a certeza do "amanhã". Na certeza, postergamos o perdoar, amar, ser feliz e inúmeras outras porque imaginamos sempre que o "amanhã" realmente chegará. E o grande segredo não está no amanhã e sim no que fazemos hoje...com certeza, o cotidiano acelerado contribui para essa vida rasa, onde não há muito espaço para decidir pela melhor opção...procuramos a felicidade de forma padronizada, hipócrita, aos moldes de comportamentos predeterminados...valorizando o estereótipo , mantendo valores preconcebidos como certos e inquestionáveis e esquecemos de aproveitar o tempo com sabedoria, transitório e passageiro.
    Aceitar a efemeridade das coisas é a maneira de viver sabendo que o que não precisa esperar é aquilo de bom que fazemos para nós mesmos e, para os outros...
    Obrigado pelo carinho, belos dias,paz e luz, beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,kilida e candy Vera
      Demor(i), mas chegu(i) para agradecer pelo carinho de sempre,muito obrigado, feliz final de semana,belos dias,paz e luz, beijos!

      Excluir
  37. Diariamente aprendemos essa lição, ainda assim deixamos adiamos e transferimos e criamos um mar de expectativas e acumulamos ansiedades e mesmo com o pé no agora espichamos o pensamento para o amanhã e isso nos tira do momento presente e daí...bom...daí viver o hoje fica quase impossível. rs

    beijos

    ResponderExcluir
  38. Boa tarde Verinha!!
    Depois que minha terapeuta falou para não ir lá com mais frequência, comecei a me sentir mais leve! Então qndo comecei a ler os livros da Patrícia entendi melhor... li os 4 livros dela que acalmaram meu coração!!

    Sempre que leio esta frase penso em vc e em outra amiga: "Amor de mãe é como um farol a iluminar seus entes queridos e a perfumar suas existências." Violetas na Janela

    Grande beijo Vera, tarde linda para vc!

    ResponderExcluir
  39. Oi querida Vera, lindo post!
    Fiquei muito triste quando soube da sua mãe, mas creia que ela está com o Pai e está muito feliz agora.
    Tenha uma ótima semana, beijos e fique com Deus!!

    ResponderExcluir
  40. "Que espera sempre alcança, três vezes salve a esperança..."
    Assim diz uma canção dos anos 70 e eu bem posso entender o compositor naquele momento turvo.
    Beleza de texto Vera para uma sacudidela neste adiar, neste postergar. Há uma vida toda para ser vivida com arte amor buscando o melhor que nos agrega valores para uma vida suave. É certo que esta tal esperança não pode nos abandonar, mas que seja entendido que entre este intervalo do hoje e o amanhã, há o agora e este é nosso.
    Que a semana esteja boa e que um pouco de chuva esteja a cair por ai.
    Hoje é dia de mais um sofrimento azul pela noite, mas tudo vai dar certo,rsrs.
    Meu abraço com toda admiração.
    Beijo de paz amiga.

    ResponderExcluir
  41. Um texto que traz bom motivos para se refletir. De fato a hora é agora, não devemos deixar para amanhã. Um abraço,
    Élys.

    ResponderExcluir
  42. Um excelente texto.
    Para ler, reler e pensar...
    Tem um bom resto de semana, querida amiga Verinha.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  43. Oi Vera, voltei depois de uns dias de molho..rsrs
    E aqui sempre encontro peças raras, perfeitas para refletir e me encontrar!
    Eu estava assim: deixando para amanhã, até que acordei e vi que o ano está findando e ainda não fiz metade do que eu queria fazer!

    Foi um puxão de orelha .. eu estava precisando...rsrs
    Bem, pelo menos estou tentando levar a vida mais leve..
    Dizendo às pessoas à minha volta que são importantes para mim...
    Nesse quesito, não deixo para depois, gosto de dizer em cada momento que estou diante delas!
    Afinal,o futuro a Deus pertença e o nosso presente é a gente que faz!!!

    Obrigada pelas palavras, pelo carinho, pela ternura Vera!!
    Beijinhos e uma semana linda, sempre!! :D

    ResponderExcluir
  44. Oi Vera! Saudade, minha querida! Como está?
    O texto do Fernando é espetacular e muito reflexivo. Como diria Sartre, somos todos responsáveis por nossas escolhas, pelo que fazemos e pelo que deixamos de fazer, pelo uso racional ou não do tempo que dispomos, pelas criações e vandalismos que causamos, pela felicidade e sofrimento que infligimos a alguém. Somos responsáveis por existir e existir significa literalmente "sair de si". Sair de si mesmo, do mundinho-chão, do cotidiano, do lugar-comum, da alienação etc. e ser humano/divino. Tudo está em nós mesmos, todas as potencialidades e se não forem colocadas em práticas, de nada adiantou a pessoa apenas ter passado por esse belo planeta. Ela não existiu.
    Um abraço e tenha bons dias!

    ResponderExcluir
  45. Com o tempo vamos aprendendo que o agora é tudo que temos, tudo o mais são meras possibilidades ou recordações. Então, Sempre estamos diante da oportunidade de sermos pessoas melhores.

    Um abraço, Lúcia.

    ResponderExcluir
  46. Um belo texto reflexivo.
    temos que ter atitude e ação
    e não esperar nada.
    beujis

    ResponderExcluir
  47. Realmente é uma grande verdade, deixamos a vida passar em branco ... sempre esperando e adiando, até que um dia a vida nos surpreende e não temos mais tempo ...
    Um texto perfeito para refletirmos,

    Vera, aproveito a ocasião para te convidar ao nosso sorteio de Natal. (http://www.massovita.com/2014/11/sorteio-de-natal-2014.html)

    Bjks
    My

    ResponderExcluir
  48. Vera, vim te deixar um beijo e te desejar um ótimo restinho de semana!!

    Nanda

    ResponderExcluir
  49. Oi Vera :)
    Demorei, mas cheguei \o/ ,
    e gostei dessa importante reflexão.
    O ontem já foi, o amanhã nem sabemos se vai chegar pra nós,
    então o jeito é aproveitar o hoje
    Não adianta protelar nada pra depois...
    Bjs!

    ResponderExcluir
  50. Um texto sem nada para acrescentar... Perfeito em suas reflexões!
    Nunca deixei nada para ser resolvido 'no amanhã' se a situação permitisse um agora. Nem atitudes, nem gestos de carinho, manifestações de afeto, uma palavra amiga, um beijo, um abraço, um sorriso... nem as coisas pequenas nem as de maior dimensão. Se precisei protelar alguma coisa foi justamente por querer que o gesto tivesse um alcance maior ou então porque a situação assim pedia. Acho imperdoável quando as manifestações de carinho são postergadas para serem citadas no outro encontro ou por telefone, e-mail e outros meios de comunicação, quando a pessoa precisava era ali, naquele momento do encontro, de um gesto de afeto que dissesse: estou aqui, conte comigo! O se expressar depois... já não faz mais nenhum sentido! Este defeito, confesso, não tenho, pois sou de abraços, beijos, palavras de elogios e manifestações de carinho quando encontro alguma pessoa amiga ou um conhecido que me desperta sentimentos afetuosos. Aprendi isto com meus pais, generosos em tudo que faziam, quer fosse em atitudes ou demonstrações de ternura. Cresci vendo-os se olharem com um imenso amor e se abraçarem e beijarem sem nenhum constrangimento, como também manifestavam generosidade e afeto para com todos do nosso convívio. Acostumei-me a dizer "te amo" não como um simples verbalizar, mas sentindo de fato que amava aquela pessoa, quer fosse meu amor de verdade (risos) ou um amigo, parente, que me fizesse sentir essa emoção. Enfim, amiga, sou adepta do ditado popular, um clichê na verdade, mas que traz um significado verdadeiro: não deixe para amanhã o que pode ser feito hoje.

    Vera Lúcia, sempre quis tocar num assunto contigo, mas o constrangimento me impedia e tinha receio de estar sendo invasiva... Enfim, criei coragem e vou tecer considerações: acho teu blog lindo, e além da beleza estética também considero maravilhosos os textos que escolhes e as imagens que associas, um verdadeiro presente ao olhar. Mas levando em conta que a Marilene faz postagens com poemas de sua autoria, e considerando também a tua sensibilidade, dá-me a impressão de que tens a poesia incrustrada na alma e que escondes versos no teu olhar, mas que preferes não os dar a conhecer.
    Se achares minha curiosidade como uma invasão, por favor, perdoe-me! Esqueça que fiz essa intromissão. Continuarei a te visitar e admirar teu bom gosto e sensibilidade na escolha de textos/imagens. E espero continuar a merecer tua honrosa visita e afetuosa atenção.
    Nos sorrisos e nas estrelas que te deixo para iluminar as horas dos teus dias, também fica meu carinho, apreço e admiração,
    Helena

    ResponderExcluir
    Respostas

    1. Helena querida,

      Você é mesmo uma doçura de pessoa. Obrigada pelas palavras elogiosas e por remeter sobre mim um olhar tão lindo. Você me conquistou de imediato, através dos comentários sempre delicados que deixa nos blogs por onde passo. Gostaria mesmo de ter veia poética, mas essa qualidade nasceu apenas com a minha mana. É comum que os blogueiros que sabem que eu e a Marilene somos irmãs estranhem o fato dela possuir blogs com textos e poesias de autoria própria enquanto o meu espaço publica textos de autores diversos. A verdade é que fui 'inspirada' a ter como tema de meu blog mensagens de reflexão, apoio, otimismo e ligadas à espiritualidade. Contudo, não me sinto apta a transmitir tais mensagens de próprio punho, pois busco-as também em auxílio próprio. Em momentos mais conturbados de minha vida tive muita ajuda através de livros e de mensagens da espécie. Então, procuro passar adiante textos que seleciono e penso que possam servir a algum leitor num desses momentos. Tenho amiga que já me disse que quando não está bem entra em meu blog para ver se lê algo que lhe diga alguma coisa ou que levante seu ânimo. Isso já me dá a ideia de que meu trabalho esteja valendo a pena. Apesar de que o tema do blog possa não ser interessante para muitos, tive a felicidade de conquistar muitos amigos na blogosfera e muitos deles, acredito eu, não frequentam meu espaço em razão das mensagens, mas em decorrência da amizade que construímos nesse mundo virtual.
      Você não foi absolutamente invasiva. Aliás, esteja à vontade para me questionar sempre que desejar. Caso eu não possa responder no próprio blog poderei fazê-lo via e-mail. Aliás, vejo essa sua observação mais como um incentivo para que eu publique textos próprios. Talvez algum dia, quem sabe...(rsrs).
      Obrigada, querida, pelo interesse e pelo carinho.

      Beijo.

      Excluir
  51. Vera, como foi sua semana?
    Vim desejar um lindo final de semana para vcs!!

    Grande beijo!

    ResponderExcluir
  52. Olá Vera! Muita saudade aqui do seu espaço. Como sempre compartilhando lindas mensagens. Realmente muitas pessoas só sabem reclamar dos problemas, do pouco tempo de vida e não fazem nada para aproveitar o tempo que ainda têm. Bom final de semana
    Beijos!
    Monólogo de Julieta

    ResponderExcluir
  53. Oi Vera! :)
    Muitas pessoas esperam pensando que a palavra esperança significa esperar, quando não é bem assim que funciona, para se ter esperança de algo é preciso também ação e objetivos decididamente muito bem traçados. Aí a esperança de dar certo é a esperança verdadeira.
    Esse texto me fez lembrar da música da Pitty:

    "Não deixe nada para depois
    Não deixe o tempo passar
    Não deixe nada para semana que vem
    Porque semana que vem
    Pode nem chegar..."

    Beijos querida amiga e um ótimo findi.

    ResponderExcluir
  54. Oi Vera
    Bom dia
    Desejo a você um bom fim de semana
    Abç
    Bárbara

    ResponderExcluir
  55. Vera, tenha um ótimo fim de semana. bjs

    ResponderExcluir
  56. Olá, Vera
    Bom tudo para nós.
    O que trazemos na memória, da velha infância ?
    Também, não sei.
    Portanto estou cá, para desejar um dia agradável, refletindo que, a maior obra do Criador, é você.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  57. Oi Vera!
    Não vou esperar amiga. Vim aqui te desejar um bom final de semana.

    Sinceramente, este texto é uma lição para aqueles que não conseguem dizer que ama, ou não gosta de algo, que deixa td para amanhã, que não sabe que o dia de hoje já é o bastante, mal sabemos o dia de amanhã.
    Beijos !!

    ResponderExcluir
  58. Olá, Vera.
    Tudo de bom.
    Muito grato mesmo, por ter comentado no meu blogue.
    Apenas, como - adendo -Eu coloco nas minhas postagens a expressão ' texto ', por que assim, livro-me, das cobranças, dos professores gramaticais, que exigirão de mim, - métricas - caso escreva, que o postado seja Soneto. Sabes, que na blogosfera, tem muita gente atenta.
    E isso, não passa despercebido. Sendo assim, eu desfilo, no meu do salão, e passo por eles, usando a expressão " texto poético ou somente texto ". E o professorado não briga comigo.
    Feliz, fim de semana. Um abraço.

    ResponderExcluir

  59. Que bonito post, me he paseado por tu bloc y me ha encantado, te invito a ver el mío, esta semana seguro que muchos de vosotros no resistiríamos la tentación de comerse un buen puñado de castañas calentitas. Pero sabeu cuál es el origen de esta fiesta? ¿Por qué, año tras año, cuando llega el otoño, nos gusta reunirnos con la familia o con los amigos para tostar las castañas y comérnoslas juntos y por eso adornamos la casa. Os explicare algunas razones y cómo decorar el hogar para esta ocasion, Deseo que te guste y si es así y no eres seguidora espero que te hagas, gracias por visitarme.
    Elracodeldetall.blogspot.com

    ResponderExcluir
  60. Que seja bom nosso presente porque esperar as
    vezes não da, e viver com certeza é preciso
    Lindo como sempre Verinha querida

    Bom dia de domingo

    └──●► *Rita!!

    ResponderExcluir
  61. Olá, Vera, como vai?
    Ótimo texto. Talvez haja uma confusão entre esperar e agir enquanto isso, ou somente esperar, e estagnar. O viver acontece todos os dias, o que desejamos não vem de graça e a nossa parte precisa estar sendo realizada.
    O reconhecimento, o mostrar sentimentos, é algo tão urgente e ainda assim, há quem se abstenha de mostrá-los, esperando uma oportunidade para fazê-lo, quando a hora é sempre agora.
    Um abraço, ótima semana!

    ResponderExcluir
  62. ✿彡
    Acredito na esperança desde que esteja aliada à luta.
    Deus nos dá oportunidades mas temos que lutar pelo que sonhamos.
    Principalmente para conviver bem com todos!

    Boa semana!
    Beijinhos.
    ✿♫° ·.

    ResponderExcluir
  63. Uma escolha excelente.
    Não basta viver é necessário saber viver.
    Bom domingo
    Beijinhos
    Maria

    ResponderExcluir

OBRIGADA PELA VISITA E COMENTÁRIO.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...