Bloqueador de Selecao

domingo, 17 de agosto de 2014

BENÇÃO DAS LÁGRIMAS.




        Bendita a lágrima em que se cristaliza
        o acervo atroz de nossas dores
        e se dilui o negro fel de nossas mágoas.


        Bendita a lágrima a cuja tona flutuam farrapos sombrios
        de sonhos dourados
        e em cujo fundo vagueiam espectros tristonhos
        de esperanças mortas.


       Bendita a lágrima dos que carpem a desdita
       de nascerem sem teto
       e choram a desgraça
       de viverem sem pão.


        Bendita a lágrima dos que jamais conheceram
        um afeto de mãe
        e nunca provaram
        um carinho de esposa.


        Bendita a lágrima, desafogo amigo
        dos que são sós
        e consolo ardente
        dos que são tristes.


         Bendita a lágrima dos que põem sobre os ombros
         a cruz de seu próximo
         e ajudam a escalar
         o calvário da existência.


         Bendita a lágrima dos que buscam, errantes,
         o calor de um afeto
         e somente encontram
         o frio do desprezo.


          Bendita a lágrima dos que sofrem injustiças
          pelos ideais que defendem
          e só colhem ingratidões
          pelo bem que semeiam.


          Bendita a lágrima que aflora, escaldante,
          nas noites de sofrimento
          e esplende como um sol
          nas manhãs da redenção.


           Bendita, enfim, a lágrima, gota de luz
           das auroras celestes
           e síntese terrena
           do orvalho divino.


            (Rubens Romanelli)



66 comentários:

  1. Bendita a lágrima da vida ...
    Um beijo

    ResponderExcluir
  2. Maravilhosa tua escolha.Linda!! bjs, ótima e feliz semana,chica

    ResponderExcluir
  3. Olá Vera Lúcia!
    Lágrimas são benditas e sua poesia é linda.
    Parabéns!

    Abração
    Jan

    ResponderExcluir
  4. Penso que as lágrimas são sempre sinceras e, por isso, Deus as seca e nos conforta
    Queridíssima, beijo, muita luz!

    ResponderExcluir
  5. Lindo demais!
    Tenho um enorme respeito pelos palhaços... escondem muitas das suas tristezas, mas têm que alegrar os outros!

    Beijinho e um otimo Domingo

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  6. Lambendo ainda as feridas pela passagem do meu paizinho venho te convidar para votação da final do 9º Pena de Ouro... A vida continua e o tempo não para, por isso decidi reativar o concurso/brincadeira, que foi interrompido, quando papai quis ir fazer uma festa no céu. Então venha brincar comigo e os blogueiros que heroicamente não deixam a blogosfera fenecer. Um enorme beijo no coração.

    http://ostra-da-poesia-as-perolas.blogspot.com.br/

    Desculpe passar tão rápido pela tua casa e nem sentar e saborear teu post... O tempo urge e tirei o dia para convidar a blogosfera, depois volto com calma e te afago.

    ResponderExcluir
  7. Linda amiga Vera, escolheste bem o lindo texto, as lágrimas são mesmo as que ajudam a desabafar as dores da vida, bendita são, sejam elas de dores ou de emoções!
    Abraços e tenhas uma linda noite!

    ResponderExcluir
  8. A lágrima é tantas vezes a foz da nossa dor. Com as lágrimas exteriorizamos a tristeza e o desalento, o desespero da nossa alma. A lágrima é o que nos restou do sonho não concretizado, da frustração, da perda. É o último reduto da cruel injustiça.
    Abençoadas lágrimas!...Já dizia H. Christian Andersen :" Mas uma sereia não tem lágrimas, por isso sofre muito mais".
    Boa escolha de texto, Vera Lúcia, o choro é necessário. Tal como o riso.
    xx

    ResponderExcluir
  9. Oi, Vera , lindos e verdadeiros versos...as lágrimas são necessárias para colocar para fora materialmente a emoção que sufoca por dentro.
    Um abraço

    ResponderExcluir
  10. Oi Vera
    Derramar algumas lágrimas faz um bem enooorme ! alivia a alma e desfaz a angústia que fica no peito.
    Hoje derramei algumas lágrimas ao ver e ouvir pela Tv a cerimonia de despedida das vítimas da queda do aviao esse lamentável desastre. Me emociono facilmente vendo ou ouvindo situações tristes e a missa o povo todo cantando era um momento propício pra sem sentir derramar lágrimas .
    Como diz o poema são orvalhos que da forma que chegam, vão embora.E deixa a alma mais limpa.
    Abraços Vera. boa semana.

    ResponderExcluir
  11. SI MI AMIGA, LAS LÁGRIMAS SON MANANTIAL DEL ALMA.
    UN ABRAZO

    ResponderExcluir
  12. Oi Vera,
    As lágrimas servem para aliviar a nossa dor, mas se ela não for suficiente grite bem alto, mesmo sabendo que não trará ninguém de volta, mas depois passado o tempo fica uma saudade gostosa de tudo de bom que a pessoa nos fez.
    E vamos alinhavando e costurando nossos sentimentos.
    Beijos no coração

    ResponderExcluir
  13. Ah, que texto belíssimo.Obrigada por compartilhar.Bjs

    ResponderExcluir
  14. Bendita toda lagrima que lava e carrega os mais nobres sentimentos.
    Uma bela partilha Vera.
    Uma semana de paz e luz a voce.
    Que as lagrimas possam lavar e renovar sua fé no amanhã.
    Carinhoso abraço.

    E vamos que vamos nesta de lider.
    Saudações celeste.

    ResponderExcluir
  15. Lágrimas são exposição de um sentir autêntico, uma busca, ainda que inconsciente, de alento em momentos de dor. São desabafo da alma oprimida frente aos infortúnios. Benditas, em todas as belas colocações do autor, que termina seus versos iluminando-as. Bjs.

    ResponderExcluir
  16. Bonita "oração" à lágrima, Vera. Obrigado.

    ResponderExcluir
  17. Bom dia Vera.. como esta querida amiga.. as lágrimas são pérolas que rolam e levam sim a tristeza interior ou tb a alegria que quer extravasar de nós.. bjs de bom dia

    ResponderExcluir
  18. Bendita reflexão amorosa, nos dando os sentidos sublimes de uma lágrima, refletindo em nossos corações a utilidade da lapidação de cada um, para assim brilharmos em infinitos divinos.

    Ghost e Bindi

    ResponderExcluir
  19. Bom dia. Uma feliz semana. Parabéns pelos belos trabalhos.

    ResponderExcluir
  20. Quando o coração está cheio as lágrimas brotam.

    bjokas =)

    ResponderExcluir
  21. Querida Vera Lucia lindissima mensagem benditas lagrimas que lavam a alma e amenizam as dores
    bendito aquele que deixa cairem as lagrimas sem tentar rete-las lindo demais ,saudades de voce amiga
    tenha uma linda semana meu carinho sempre bjs marlene

    ResponderExcluir
  22. Boa tarde Vera.
    As lágrimas limpam a alma <3
    Triste é não chorar na minha singela opinião...

    Uma semana bem linda para vc!

    Nanda

    ResponderExcluir
  23. Um poema forte, sábio, com uma bela e importante mensagem social.Parabéns.

    ResponderExcluir
  24. Hi Vera,
    Your post is wonderful.
    Greetings and a big hugs.

    ResponderExcluir
  25. Bela escolha, Vera! É bendita, sim, a lágrima que em sua enxurrada carrega a nossa tristeza. Boa semana, amiga; fica bem.

    ResponderExcluir
  26. Olá, Boa noite, querida Vera
    Rubens C. Romanelli
    Belíssima escolha...
    ...sim,bendita lágrima, bendita vida... a vida é assim, nos faz chorar, de alegria ou tristeza, quando a palavra já não pode comunicar... para lavar nosso coração, lavar nossa alma.... uma lágrima sincera, sem tentar retê las, das mais tristes às mais alegres, moverá os céus ao nosso favor, pois,felizes os que choram, porque ao colocar nossas lágrimas diante de Deus , Ele o consolará...
    Obrigado pelo carinho, feliz semana, paz e luz,beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,querida Vera
      puxa, sinto muito,mesmo...
      por vezes, as palavras se tornam pequenas e nem sempre conseguimos expressar da forma que queremos.Mas,quero que saiba ,que nesse momento de dor, meus profundos sentimentos... associo-me à vossa dor e à suas orações...solidarizo-me à você , como para com todos os familiares...sabes que pode contar comigo, sempre! Força, que a "nuvem" ESTÁ passando... Deus te Abençoe!
      Obrigado pelo carinho, beijos!

      Excluir
    2. Olá, Boa noite,querida amiga Vera
      agradeço pelo carinho, belo final de noite, belo dia de quinta feira, beijos!

      Excluir
    3. Olá querida Vera, obrigado pelo carinho, bela noite de sábado,feliz domingo, beijos!

      Excluir
  27. Vera que imagem fantástica, uma poesia linda perfeita as lágrimas dizem muito, Vera passando pra desejar uma ótima segunda-feira beijos.
    Blog /Fan Page / Twitter /

    ResponderExcluir
  28. Olá Vera,
    as lágrimas são tão importantes pois levam embora tudo aquilo que nos oprime e sentimos e que estão dentro de nós. É como uma válvula de escape, aliviando o coração e a nossa cabeça para enfrentar o momento seguinte.
    Muito bom amiga. Vai um beijo grande no seu coração.
    Até!

    ResponderExcluir
  29. Querida amiga boa noite hoje vim só para lhe desejar uma linda semana para você!
    abraço amigo!
    Maria Alice

    ResponderExcluir
  30. Me emocionou muito esse texto, Vera. Bela e tocante escolha. As lágrimas refletem isso tudo mesmo. Bjs e tenha uma boa semana.

    ResponderExcluir
  31. as lagrimas Fazem tudo tão realista
    Cumprimentos de Antuérpia

    ResponderExcluir
  32. oi Verinha,

    bendita a sua escolha,que me deixou com
    lágrimas nos olhos...

    beijinhos

    ResponderExcluir
  33. Bendita a lágrima dos que jamais conheceram um afeto de mãe! Muito bom esse poema. Meu beijo.

    ResponderExcluir
  34. Um texto que, além de lindo e muito bem escrito, nos convida a refletir.
    Um dos mais lindos que já li em blogs!
    Amei!
    Abraços, e bom dia!

    ResponderExcluir
  35. Oi Vera,
    Achei o texto bem interessante,
    as lágrimas às vezes trazem alívio.

    P.S.: obrigada pelas palavras de carinho e apoio.
    Não tem sido fácil, mas a gente precisa ter forças,
    pois a vida continua...
    Bjs

    ResponderExcluir
  36. Vera, fiquei tão triste e emocionada com o que aconteceu com sua cunhada...
    Desde que perdi minha mãe, não consigo enfrentar a morte-perda.... Me abalo com tudo, até por pessoas que não conheço... Alguns anos atrás um dia antes do meu aniversário a Amy Winehouse faleceu, e vc não pode imaginar o quanto chorei sem nem ao menos ser fã :( Gostava, ouvia e só...
    Por isso sempre fico tocada... Vc e sua família já estavam em minhas orações diárias como já havia te contado, vou continuar orando ainda mais por vcs!!

    Deixo aqui todo o meu carinho, um abraço bem apertado e sincero!
    Gosto muito de vc!!!
    Meus sinceros sentimentos!

    Grande beijo, cuide-se!

    Nanda

    ResponderExcluir
  37. Olá Vera Lúcia.
    Por vezes só a lágrima traz o alívio. E quantas, são as vezes...
    bj amigo

    ResponderExcluir
  38. As lágrimas não são sinal de fraqueza , mas de força,
    deixando elas saírem nos aliviamos e voltamos a lutar .
    bjs
    http://eueminhasplantinhas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  39. Boa noite querida Vera Lucia !

    Uma bela poesia. As lagrimas sao sempre sinceros.
    Lagrimas aliviar a dor.
    Boa semana sorte.
    Cumprimentos da terra de ambar.
    Grande abraco :)

    GLUOSNIS da Lituania.

    ResponderExcluir
  40. Oi, Vera! A poesia é muito bem escrita, mas achei tão triste... A lágrima é bendita como meio de extravasar a dor e não guardá-la para si, mas acredito ser ainda mais bendito o riso, que é um bálsamo, ainda que em meio à dor. Um abraço!

    ResponderExcluir
  41. Boa noite Vera, como está, tudo bem?
    Só a imagem já antecipa que a poesia será de arrasar...
    E FOI DITO E FEITO....
    São versos belíssimos, afinal trata-se das lágrimas de um palhaço..
    Sabe, eu sempre acreditei, ser a figura em si do palhaço, muito triste, mesmo nos fazendo rir...mas não deixa de ser TRISTE...
    Se esvaindo em lágrimas então, é de cortar o coração! ♥

    Entretanto, a "lágrima gota de luz," ao final, veio para amenizar o sofrimento e trazer esperança!
    Aí sim, ficou lindo!!
    Tenha uma semana maravilhosa querida e obrigada por mais esta beleza!
    Beijos e muita paz!

    ResponderExcluir
  42. Bendita seja toda aquela lágrima que escorre pelos olhos depois de se purificar no coração! Que bela postagem! Que linda imagem! Como tantas outras que vi por aqui, no teu cantinho! Um belo recanto onde a poesia esvoaça por toda a parte. Parabéns!
    Deixo-te um sorriso e uma estrela, com carinho,
    Helena

    ResponderExcluir
  43. Que encanto de versos!!! E a imagem então é muito comovente!!!
    Ótima escolha querida!

    Bjusssssssssssssss

    ResponderExcluir
  44. Passando para agradecimento!

    Agradecer

    Elogiar, pelo belo que faz

    E parabenizar é uma virtude que

    nos temos para com os bons amigos

    E com carinho de sempre recebo sua

    visita com muito amor

    Sua presença é marcante no meu

    Cantinho


    Bjusss

    └──●► *Rita!!

    ResponderExcluir
  45. Vera querida!!!!

    Tarde abençoada para vc! Como vc está hoje?

    Grande beijo!

    Nanda

    ResponderExcluir
  46. Olá, querida Vera
    Agradeço a Deus por todas e tantas lágrimas derramadas em minha face ao longo das minhas 6 décadas... Foram alvejando a minha alma a tal ponto de quase se secarem em meu coração ...
    Agora, vendo o palhaço se debulhar em lágrimas... me emociono com ele mas não as derramo mais... tenho os olhos secos e o coração pleno do Amor Divino...
    É a força da retribuição divina que me consola...
    Lindíssimo post!!!
    Bjm fraterno de paz e bem

    ResponderExcluir
  47. Oi Vera,

    Ora choramos de alegrias, ora choramos por perdas. A vida é assim e sempre será. Por trás de toda a lágrima existe algo que nos faz bem. Chorar é uma forma de desabafo e ao mesmo tempo de purificação da alma.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  48. Vera queridaaa <3
    Vim te desejar um ótimo restinho de semana !!

    Beijão

    Nanda

    ResponderExcluir
  49. Benditas sejam todas as lágrimas.
    Linda escolha querida Vera Lúcia, grande beijo em seu coração.

    ResponderExcluir
  50. Boa tarde Verinha!!!
    Fiquei toda curiosa para ver a irmã da minha sapatilha!!! Usa mesmo :)
    Ai, tu já viu que não vou mais largar daquela bolsa né? hehehehe

    Final de semana bem lindo e tranquilo para vc!!

    Beijo bem grande!

    Nanda

    ResponderExcluir
  51. Olá, Lúcia.

    Bonita postagem, como sempre.

    Seriam as lágrimas o orvalho de uma flor diante da negra noite dentro de nós?

    Um abraço!

    ResponderExcluir
  52. Olá querida amiga, espero encontra-la bem, as lágrimas são necessárias nas nossas vidas para que possamos superar aquilo que nos faz chorar! Bom estar de volta! bjosss

    ResponderExcluir
  53. Verinha,
    são nas lágrimas, expressão intensa, que extravasamos os ápices...bom será se sempre estes forem de felicidade.A poesia revela esta mesma intensidade com a aura que tudo suaviza.
    Um lindo final de semana.
    Bjkas,
    Calu

    ResponderExcluir
  54. Chorar faz bem!
    O ano que meu pai morreu, eu chorei na virada dele para o outro, por uns cinco minutos copiosamente. Engraçado que no dia em que ele morreu, eu estava fortão e amparando meus irmãos e minha mãe... Mas não sei porque, depois de quase cinco meses, exatamente na virada do ano... Chorei um chôro tão bem chorado que apesar de triste, foi muito gostoso!
    Chorar faz bem!

    ResponderExcluir
  55. Olá Vera! Estava passando, quando avistei o teu belo espaço e não relutei em invadi-lo. Com certeza, aqui voltarei mais vezes, pois, além de gostar, tomei a liberdade de me tornar teu seguidor, isso, até quando permitires, é claro.

    Quanto ao post, lindo e profundo poema. Chorar é dar vazão a tudo aquilo que intimamente nos corrói. Belíssima escolha! Parabéns!

    Beijos e um ótimo final de semana para ti e para os teus.

    Furtado.

    ResponderExcluir
  56. Oi Vera! Adorei sua visita, irmã de Marilene!
    Acho muito bom chorar quando sinto vontade, fico com o coração leve depois, é como se tivesse colocado tudo que me oprimia pra fora...Um abraço!

    ResponderExcluir
  57. Querida Vera,

    Por vezes a vida passa intensa, forte, rápida. Às vezes é sinfonia de risos, outras vezes é dor que se escapa, liquida, lavando as profundezas da alma. Precisamos das lágrimas, para aliviar o aperto do peito. Precisamos das lágrimas, tanto quanto dos risos.
    Há dores que quando nos chegam, parece que não nos largam. É preciso colocar os pés, bem assentes na terra e deixar que tudo continue o seu ciclo, sabendo que nada está nas nossas mãos. E continuamos, avançamos entre o negativo e o positivo, entre lágrimas e risos, cumprindo o caminho que escolhemos percorrer, ao qual tantas vezes chamamos destino.

    A vida tem fases tristes, muito tristes em que a lágrima, parece ser o único que nos salva.
    Recentemente tive uma dessas fases, (não foram duas, foram seis, entre avó e tios chegados) um ano inteiro de perdas...nada nos prepara para a vida e muito menos para a morte. É como se a tristeza cavasse um abismo aos nossos pés, convidando-nos a cair nele. É preciso construir uma ponte, para atravessá-lo, com as mãos, com a coragem e até procurando aconchego naqueles que connosco continuam. Lá à frente, há ainda muitos risos que nos esperam. Mesmo com a consciência, de que no final, todos partilhamos o mesmo destino.

    No momento de maior fragilidade, escrevi isto:

    O vazio verga-nos o corpo,
    obrigando-o
    a cair num solo de lágrimas férteis.
    Talvez esta dor que me consome
    me caia nas mãos como pedras,
    que sirvam para apedrejar a própria morte.

    Não saberei nunca dizer adeus...

    Sónia M


    Deixo-lhe um abraço demorado, ainda que virtual, que afague o seu coração.

    ResponderExcluir
  58. Que sejam abençoada e benditas todas as lágrimas...td lindo por aqui querida,Boa semana pra ti.bjins meus.

    ResponderExcluir
  59. Cordiais Saudações,
    Óh magnânima Vera!

    Não vou comentar não Sinhá! Não vou insistir mesmo...!!!!!!!!!!
    Este é o quarto comentário que fiz, e apaga do nada.ao narrar minha morte no dia 01/11/2006 ás 22;30 e renascimento ás 20;30 ,2 dias após(03/11 ás 20;30,) e a sinhá sabe que sou mais prolixo que a peste
    Antes não sabia que tinha coração...e já ultrapassei a idade dos lobos ,atravessei a curva do vento
    Foi quando conheci esta faculdade curativa dos homens ao ajoelhar-me no chão e derramar rios de lágrimas e os sucessivos bombardeios do sobrenatural que desde que nasci me amparou e fala aos meus ouvidos,mesmo ateu,cometendo injúrias,desafios e blasfêmias..A'nkh,assim chamo a minha divindade
    Ficava consternado com as lágrimas das crianças,mulheres e anciões,escravizado por este sentimento e jamais irei ao ser traído pelas lágrimas de crocodilo.Achava fascinante,por desconhecer esta descarga da alma que cura todos os maus sentimentos

    Ainda não me acostumei com este coração frouxo,barulhento que qualquer coisa as minhas perninhas tremem igual vara verde,estou igual "moça'(heheehehe)sobrevivi,um caquinho,mas sobrevivi

    Se desta vez publicar,

    abraços fortesssssssssssss!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Nino,

      Já é a terceira vez que tento deixar minha resposta aqui e a perco por encostar em alguma fatídica tecla. Coincidência!!!. Estava dizendo que conheço parte da sua história, pois você a deixou registrada por aqui. Desde então, passei a admirar a sua força e coragem. Não é fácil passar pelo que você passou e ainda passa. Se você renasceu é porque o seu tempo por aqui ainda não estava findo e nem a missão que você assumiu antes de chegar a esse mundo. É melhor partir sem dever do que ter que retornar para repetir a lição, né não? Foi isso que aprendi através da doutrina de Kardec. Você é um vitorioso, pode acreditar.

      Eu havia escrito mais, mas já perdi o rumo, pois meu irmão chegou aqui, agora, para almoçar, e me contou que sofreu um acidente de moto no sábado e não quis avisar ninguém porque sabia que íamos entrar em parafuso. Graças a Deus, ele não machucou gravemente, mas perdeu a moto.

      Somente agora estou lhe respondendo porque ontem não chequei meus e-mails. Senti um 'pirepaque' diante do computador, à noite, e tive que segurar na bancada para não cair. Creio que foi uma tonteira decorrente do stress das últimas ocorrências (dois óbitos em família em pouco mais de um mês). #Oremos!

      Obrigada por ter tentado uma vez mais, deixando a marca de sua passagem por aqui.

      Grande abraço.

      Excluir
  60. A lágrima é a água que lava muitas tristezas de rios pessoais. São na maioria das vezes uma válvula de escape. ADOReii o poema, Vera! Como sempre escrevendo muito bem e trazendo lindas reflexões para nós leitores.
    Beijos!
    Monólogo de Julieta

    ResponderExcluir

OBRIGADA PELA VISITA E COMENTÁRIO.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...